Erros Comuns em Entrevistas de Emprego – O que não fazer

Anuncie sua vaga.

  

Fique atento a cada erro comum em entrevistas de emprego e saiba o que fazer para não cometê-los.

Passar por uma entrevista de emprego exige muito foco e atenção por parte do candidato para chegar ao destino planejado. Porém, nem sempre o resultado tido é positivo, podendo-se ter uma infinidade de reprovações ao longo do percurso.

Se você tinha a certeza absoluta de que tinha feito uma boa entrevista de emprego e não sabe onde falhou, nós podemos ter a resposta para essa pergunta.

Muitas vezes, apesar de ter um currículo atrativo, o candidato passará por uma série de pressões e competições, sendo os detalhes decisivos para a escolha.

E nesse sentido, é possível que você tenha cometido um dos cinco erros mais comuns para a qualificação mínima de trabalho em uma determinada empresa. Sabendo disso, fique atento a cada um dos itens que serão apresentados a seguir para não dar chance para o azar na sua próxima entrevista. Vamos a eles:

1. Cuidado na hora de se vestir

Saber escolher a roupa adequada para se vestir em um ambiente empresarial pode ser um tópico um tanto quanto ‘batido’, mas ainda assim importante no momento de uma entrevista de emprego. Isso porque as vestimentas falam muito sobre a personalidade do candidato, podendo ser um item decisivo na hora da escolha.

Veja também:  Consultoras da Natura podem ganhar mais com novo projeto

Se você não sabe que roupa usar, a dica é pesquisar sobre a organização com certa antecedência, de forma a chegar vestido conforme a expectativa da empresa. Apesar de normalmente não haver qualquer repreensão do entrevistador para com o entrevistado, ainda se sabe que a apresentação e aparência são pontos muito importantes para a aprovação.

2. Atrasos não são tolerados

Considerado, provavelmente, um dos erros mais graves durante uma entrevista de emprego, chegar atrasado em uma entrevista reflete a falta de comprometimento, profissionalismo e seriedade do candidato com a vaga em aberto. Então, se você não conhece a localização da empresa até a data da entrevista, procure pesquisar antecipadamente e visitar pessoalmente o local para não ficar em sérios apuros.

Independentemente do meio de locomoção, seja de carro, ônibus, táxi ou trem, conhecer as melhores rotas e planejar o tempo até chegar ao lugar é fundamental. Aliás, chegar com antecedência é visto com bons olhos.

Então, é melhor ficar esperando um pouco e, dessa forma, garantir o seu horário, do que chegar atrasado e apresentando diversas desculpas ao entrevistador. Até porque não são todas as empresas que aceitam entrevistas após a hora pontual marcada. Fique ligado.

Veja também:  Vagas de Trabalho na BASF

3. Não minta!




Apesar de um currículo repleto de atividades e descrições ser um diferencial importante, mentir sobre detalhes e atributos é uma tática errada e que não dá certo, na maioria das vezes. Isso porque a organização tem vias de descobrir se um candidato está mentindo ou falando a verdade sobre seus cursos, habilidades, e outros.

Um exemplo claro disso é mentir para o entrevistador sobre o seu nível de fluência em uma língua estrangeira. Se o seu nível é básico e você colocar no currículo que possui o avançado, há grandes probabilidades de ser desmascarado.

Então, atenha-se às suas reais formações e conhecimentos. Manter uma mentira acaba exigindo o triplo de energia para se manter intacta.

4. Linguagem indevida

Falar palavrões, contar piadas e ter um raciocínio vago. Esses são apenas alguns dos fatores que não levamos em conta em uma entrevista e que são campeões de reprovação dos candidatos.

Apesar de ser um momento tenso, a entrevista de emprego exige um momento de seriedade por parte do entrevistado. Portanto, seja formal, educado e evite usar as gírias e as expressões de baixo calão. Articular bem as frases e ter um raciocínio lógico para o que se quer dizer é muito importante, sempre.

Veja também:  Vagas de Emprego Abertas no Sine de Manaus AM - Julho de 2018

5. Não elogiar nem falar mal demasiadamente

Esse ponto se aplica tanto para os empregos anteriores como às pessoas a sua volta, incluindo o entrevistador. De forma a avaliar a sua maturidade, é possível que seja solicitado pelo avaliador que se fale sobre alguém ou sobre o seu antigo trabalho.

Portanto, evite falar mal ou elogiar demais uma empresa ou o chefe, mesmo que você tenha motivos. Seja profissional e vá direto ao assunto, não se prendendo muito a detalhes e opiniões particulares.

Inclusive, se for perguntado sobre o motivo de sua saída do trabalho anterior, esclareça com a verdade, sem julgamentos. Ressalte que está em busca de novas oportunidades que lhe deem maiores desafios e perspectivas. Até porque esse é o motivo pelo qual geralmente as pessoas buscam e mudam de emprego.

E aí, se identificou com algum dos pontos? Dê a sua opinião e nos conte nos comentários um outro ponto que você ressaltaria em uma entrevista de emprego.

Por Kellen Kunz


 

Cadastre gratuitamente o seu currículo em nosso site. Clique aqui






Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *