Calendário de Saque do FGTS Inativo




Governo Federal divulga calendário oficial do saque do FGTS Inativo.

O Governo Federal publicou nesta terça-feira, dia 14 de fevereiro, o calendário para realizar o saque do saldo das contas inativas do FGTS – o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço. Mais de 30 milhões de cidadãos, a partir de março, já terão direito a fazer a retirada do dinheiro.

De acordo com algumas informações prestadas, os saques já iniciam no dia 10 do próximo mês, para os trabalhadores que nasceram nos meses de janeiro e fevereiro. Cidadãos nascidos no mês de março, abril e maio terão direito a sacar no mês de abril. Já quem faz aniversário nos meses de junho, julho e agosto, conseguirá retirar em maio. Os nascidos nos meses de setembro, outubro e novembro irão sacar o saldo em junho. E por fim, no mês de julho, será sacado o saldo dos nascidos em dezembro.

Veja também:  Crédito Consignado FGTS - Como Funciona

Confira abaixo as datas para saque:

  • Nascidos nos meses de janeiro e fevereiro: retiram em março (saques a partir do dia 10)
  • Os nascidos nos meses de março, abril e maio: retiram em abril (dia 10 em diante)
  • Os nascidos nos meses de junho, julho e agosto: retiram em maio (dia 12)
  • Os nascidos nos meses de setembro, outubro e novembro: retiram em junho (dia 10)
  • Os nascidos em dezembro: retiram em julho (de 14 a 31)

Conforme informações do governo, ao todo são cerca de R$ 43 bilhões que estão parados nessas respectivas contas e a União calcula que aproximadamente R$ 34 bilhões serão retirados pelos trabalhadores.

Veja também:  O que é Crédito Consignado?

Os saques poderão ser realizados até o meio deste ano.

Um pouco mais de 50% dos cidadãos possuem até R$ 500 para retirar, de acordo com o governo. Os outros 24% possuem um valor que varia entre R$ 500 e R$ 1.500. Estes dois grupos significam 80% do total de trabalhadores que possuem direito a fazer a retirada do dinheiro. Os outros possuem um saldo de mais de R$ 1.500.


Anteriormente, só poderia fazer o saque do Fundo de Garantia de uma conta que se encontrasse inativa quem não tivesse empregado por, pelo menos, três anos ininterruptos. A partir dessa medida, os cidadãos que pediram a conta ou foram demitidos por justa causa antes do dia 31 de dezembro de 2015, poderão sacar o benefício.

Veja também:  Crédito Consignado FGTS - Como Funciona

FILIPE R SILVA

Empregos relacionados



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *