Johnson & Johnson pode demitir 7% do seu quadro de funcionários


  

Um plano de corte de custos da gigante Johnson & Johnson prevê a diminuição em 7% de seus funcionários em âmbito global, o que cerceia, aproximadamente, 120 mil trabalhadores rumo ao desemprego. Com isso, a empresa pretende gerar uma economia de até 1,7 bilhão de dólares até 2011.

Tudo leva a crer, de fato, que isso será efetivado. Para se ter idéia, o ano de 2009 foi um dos mais complicados para a empresa em sua história. Cerca de três de suas principais divisões no mundo dos negócios apresentaram fragilidade. Isto se deve, entre outros motivos, ao aumento da concorrência dos genéricos, que prejudicou, em partes, o segmento de medicamentos.

Veja também:  Programa Jovens Talentos Johnson & Johnson 2018



Em sua unidade farmacêutica, a empresa registrou um corte de aproximadamente 900 mil funcionários em 2009. Entretanto, em agosto deste ano, a corporação solidificou seu esqueleto gerencial.

Fonte: Último Segundo

Por Luiz Felipe T. Erdei


 

Cadastre gratuitamente o seu currículo em nosso site. Clique aqui






Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *