Revisão periódica de procedimentos internos: uma necessidade

Categorias: Capacitação - Cobranças - Colaboração - Competência - Código de Conduta - Procedimentos Internos

Todas as organizações possuem ou, pelo menos, deveriam possuir, procedimentos internos sistematizados para a execução de atividades. Com o passar o tempo, é essencial rever esses procedimentos para adaptá-los às dificuldades encontradas em sua execução.



Muito poucas coisas no mundo permanecem imutáveis. A maneira de se trabalhar numa organização não é diferente. A prática ensina que é necessário acrescentar ou suprimir etapas no “modus operandi” de como as coisas são feitas no trabalho. Ter receio de fazer mudanças é condenar um procedimento a se tornar obsoleto e ineficaz. E essas mudanças precisam ser discutidas e aprovadas por todos aqueles diretamente envolvidos.

Repensar normas internas, regulamentos e procedimentos operacionais padrão é demonstração de pró-atividade e inteligência. É o modo mais sensato de reagir às alterações que ocorrem no mundo que o rodeia.



Outros Conteúdos Interessantes

8 Comments





  1. gostaria de receber novidades sobre procedimentos internos de empresas

  2. Gostaria de receber novidades sobre procedimentos internos de empresas.

  3. Gostaria de receber procedimento interno de empresa sobre controle de veículos locados para chefias.
    Forma de utilização,….

  4. Gostaria de receber um modelo para procedimento interno, sobre o cargo de frentista-caixa, o que ele deve priorizar, qual o momento para receber a conta e etc.

  5. gostaria de receber as atualizações de procedimentos internos de empresas no ramo de refrigerados. e receber dicas em relação as punições adequadas.

  6. Gostaria de receber modelos de procedimento interno do ramo de engenharia que abordasse todas ás areas.

  7. Estamos criando normas e procedimentos interno para a segurança da empresa e gostariamos de informações de vcs, para recepção,entrada e saida de funcionários e bens da empresa,saidas e entradas de veículos e toda a parte que compete a segurança patrimonial.





Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *