Embraer demite mais de 4 mil funcionários devido a crise




A Embraer, uma das maiores fabricantes de jatos do mundo, anunciou a demissão de 4200 funcionários, e apontou que tal decisão é irreversível.

A queda nas vendas (30%) impactaram os negócios da empresa, que depende basicamente da exportação de jatos – cerca de 90% das vendas são para o exterior.


Segundo o presidente da Embraer, a situação só deve voltar a normalidade dentro de 2 ou 3 anos, quando o número de encomendas de novos aviões pode aumentar.


Empregos relacionados



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *