É preciso identificar e analisar quais os fatores que pesam na hora de concluir as tarefas sem desprender muito tempo e energia.

Estudo, trabalho tarefas do lar, tudo isso pode acumular se não forem executadas no tempo adequado, fazendo com que possamos perder algumas oportunidades. Muita gente tem dificuldade em desenvolver suas tarefas diárias e isso ocorre por diferentes motivos. O ideal é tentar identificar e analisar quais os fatores que pesam na hora de concluir as tarefas sem desprender muito tempo e energia.

– Pelo mais fácil ou mais difícil:

Você tem duas opções iniciais: começar pelo mais difícil com o pensamento que depois de realizar a tarefa mais complicada as restantes serão mais fáceis ou pelas tarefas mais simples. Quem prefere começar pelas mais fáceis pode colocar em mente que irá diminuir a lista e aumentará a força de vontade para concluí-las. Não importa se é um pequeno passo, mas é imprescindível começar e ter um ritmo de trabalho.

– Não se sinta culpado:

Sentir-se culpado por não conseguir atingir os objetivos não vai ajudar muito e por essa razão não é uma boa alternativa se cobrar demais. Não se sinta derrotado por conta da produtividade abaixo do que espera. Por essa razão seja gentil consigo mesmo e tenha otimismo para estimular melhores resultados.

– Força de vontade:

Para ter mais força de vontade para lidar com as adversidades do cotidiano é importante se esforçar. Para isso tente realizar algo que está adianto há algum tempo, mas que sempre deixa para depois. Dessa forma é possível criar um hábito e ser mais eficiente nas tarefas. Se for necessário divida uma grande tarefa em menores e tente se sentir mais feliz ou realizado a cada conclusão.

– Faça exercícios e divirta-se:

Quem faz exercícios regularmente tem mais força de vontade, são mais eficientes e proativas. Além de revigorantes, as atividades físicas são capazes de aumentar a quantidade de oxigênio no cérebro e isso ajuda muito na produtividade. Se não der para ir à academia, uma caminhada nas horas livres já ajudam.

Estabeleça também pequenas recompensas pessoais pelas tarefas, como um chocolate ou um passeio pelas menores, compras, viagens e outras para as maiores. Assim será estimulado a sempre fazer o que precisa e com uma boa autoestima. 

Por Ana Rosa Martins Rocha