O Clube Melissa, marca de varejo presente há mais de 30 anos no mercado, está com uma vaga aberta para designer pleno, para trabalhar no escritório localizado na zona sul da cidade do Rio de Janeiro (RJ).

A oportunidade é para designers gráficos já formados e que tenham pelo menos dois anos de experiência anterior com design e comunicação visual. Também é colocado como pré-requisito ter domínio das ferramentas e programas do Pacote Adobe. Possuir conhecimento sobre edição de vídeo será considerado um diferencial para o candidato.

Entre as responsabilidades da função, estão atender às demandas diárias das franquias e dos departamentos internos, bem como a conceituação, criação e/ou desdobramento das campanhas digitais e impressas da marca.

É necessário saber fechar arquivos e fazer as devidas especificações às gráficas. Também é atribuição do cargo fazer contatos eventuais com fornecedores e auxiliar no desenvolvimento de briefings com análise de público-alvo. É ainda desejável que o designer tenha familiaridade com branding e projetos de identidade visual.

São consideradas características importantes para o candidato a criatividade, organização, comprometimento e atenção a detalhes. Além de gostar de moda e de trabalhar em um ambiente alto astral.

O local de trabalho é no bairro de Copacabana, em horário não divulgado.

Para se candidatar a esta oportunidade, basta enviar um e-mail com o currículo e portfólio atualizados para os endereços eletrônicos: joao.baffa@multifq.com.br e vanessa.vieira@multifq.com.br, informando também a pretensão salarial. É necessário destacar no assunto da mensagem a vaga “Designer Pleno”.

A Melissa é uma marca brasileira de calçados criada em 1979 pela empresa Grendene, e se tornou famosa por suas sandálias e sapatos feitos de plástico. O modelo Aranha, inspirado nos calçados utilizados por pescadores franceses, marcou o surgimento da marca e se tornou ícone de moda.

Hoje, a Melissa também é conhecida por suas coleções criadas em parceria com renomados estilistas e designers, como Vivienne Westwood e Jean Paul Gaultier.

Por Julio Abreu