Mais uma opção interessante está disponível para quem deseja melhorar a sua colocação profissional, pois a Zerozen (empresa voltada para produção e comércio de roupas femininas e infantis) está realizando uma seleção onde oferece 50 vagas para a demanda do Final de Ano e Natal.

As oportunidades ofertadas são voltadas para os cargos de estoquista, vendedora, auxiliar de vendas e caixa.

As inscrições podem ser realizadas até a data limite de 15 de novembro de 2012, por meio do envio do currículo para o endereço eletrônico rh@zerozenrio.com.br.

Para concorrer a uma destas vagas, é preciso que os interessados possuam nível médio ou superior completo de escolaridade. Além disso, a empresa exige que os candidatos tenham características pessoais como dinamismo, proatividade, iniciativa e aptidão para atendimento ao público.

A seleção contará com análise de currículos, testes de habilidades práticas, dinâmicas de grupo e entrevistas com gestores da empresa interessada.

Os aprovados irão trabalhar a partir do dia 01 de dezembro de 2012, nas unidades da rede localizadas nas cidades de Niterói, Rio de Janeiro e São Gonçalo.

A empresa oferece salários compatíveis com o mercado, além de benefícios como comissão, vale transporte, vale alimentação, seguro de vida, plano de saúde, possibilidade de efetivação na empresa, entre outros.

Por Ana Camila Neves Morais

A grife ZeroZen está com 9 vagas de trabalho abertas para duas de suas lojas no Rio de Janeiro, sendo que 4 delas são para a unidade do BarraShopping, e as outras 5 para a loja do Shopping Avenida 28. Os cargos são de vendedoras e caixa.

As candidatas devem ter idade superior aos 18 anos, ensino médio completo, conhecimentos básicos em outras línguas, principalmente o inglês, e boa aparência. Experiência prévia não é necessária. Os salários ainda não foram divulgados.

Interessadas em concorrer a qualquer uma das vagas devem enviar seus currículos para o e-mail: escritorio@zerozenrio.com.br. As 9 vagas são imediatas, porém será realizado um banco de currículos para preencher a demanda de pessoal gerada pelo Natal. Mais informações aqui.

Por Thiago Martins