Estão abertas as inscrições para o programa seletivo de estágio do Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região que engloba os estados do Pará e Amapá. A organizadora do certame é o Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE). A oportunidade é para a formação de cadastro reserva.

O processo de estágio é voltado para os estudantes de Direito, que estejam matriculados nos três últimos anos ou nos seis últimos semestres da graduação, em Instituições de ensino oficial e que mantenham convênio com o CIEE.

As oportunidades são voltadas para as seguintes regiões: Ananindeua, Belém, Castanhal, Macapá, Tucuruí, Parauapebas, Redenção, Santarém, Santa Izabel do Pará e Xinguara. A carga horária de estágio é de 4 horas por dia e valor da bolsa-auxílio é de R$ 788,00. Além disso, os aprovados também receberão auxílio transporte.

As inscrições permanecem abertas somente até o dia 27 de fevereiro e podem ser feitas por meio deste link: www.ciee.org.br/portal/index.asp. Os candidatos serão avaliados por meio de provas objetivas. O processo seletivo tem a validade de um ano e pode ser prorrogado pelo mesmo prazo.

Os estudantes interessados em aproveitar essa oportunidade de estágio devem manter o foco nos estudos. Por meio do edital, os interessados podem ter acesso ao conteúdo programático do cargo e elaborar um planejamento de estudo até o dia da prova. Desta forma, o candidato consegue manter um foco e uma organização, para ter um melhor desempenho.

No tempo disponível de estudo, a pessoa deve distribuir as matérias, e não se esquecer de separar um momento para fazer as revisões. Além disso, é essencial treinar por meio de resolução de questão, para conhecer os pontos fracos e fortes em cada conteúdo.

No dia da prova, o candidato deve manter a calma, tranquilidade e confiar no seu potencial. Investir em estágio é fundamental para adquirir experiência e conhecimento na área que pretende atuar.

Boa sorte e sucesso!

Por Babi

Na última segunda-feira, dia 30, o Tribunal Regional do Trabalho (TRT) decidiu julgar o dissídio coletivo promovido pela categoria de profissionais da área de TI do estado de São Paulo.

A sentença promovida pela Justiça do estado acatou as principais reivindicações dos trabalhadores. Dentre os pedidos estavam um reajuste de 7,5%, tornar obrigatória a proposta de Participação em Lucros e Resultados (PLR), aumento de 8% para o piso e vale refeição de R$ 15,00.

É interessante observar que as conquistas obtidas são retroativas ao dia 1° de janeiro, data que foi tomada como data base da categoria. Outro detalhe, é que as empresas também ficaram obrigadas a pagar o dia parado durante a greve, bem como a estabilidade de 90 dias após o julgamento do dissídio também ficou garantida para os funcionários.

Antonio Neto, presidente do Sindpd (Sindicato dos Trabalhadores de Tecnologia da Informação) ressaltou que está foi uma grande vitória obtida pelos trabalhadores da categoria. Houve diversas tentativas de acordo, mas sem nenhum resultado significativo. Espera-se que com a decisão a categoria possa ser mais valorizada no estado de São Paulo.

Outro ponto importante que acabou influindo na decisão do tribunal foram os números de acordos coletivos que foram celebrados entre o Sindpd e as empresas relacionadas ao setor desde fevereiro deste ano. De acordo com as informações foram mais de 500 assinados e já abrangiam os tópicos determinados no julgamento.

Antonio Neto destaca ainda o fato de que por isso a Justiça entendeu que era possível estender para toda a categoria de profissionais algumas condições que já estavam de fato fechadas com algumas companhias o que, por sua vez, também mostra a viabilidade do mesmo.

Ao todo foram cinco etapas de negociação salarial dos trabalhadores do setor de TI em 2014. A suspensão das reuniões acabou sendo pedida uma vez que não se chegava a acordo nenhum. A parte do sindicato patronal continuou firme em sua posição de oferecer um reajuste de até 6,5%. O índice foi considerado baixo pelo Sindpd. .

Por Denisson Soares

O Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região (TRT – 2), no Estado de São Paulo, abre edital para realização de processo de seleção que visa admissão de estagiários , estudantes das áreas de Direito, Comunicação Social, Educação Física, História, Técnico em Informática e Pedagogia.

Os interessados deverão realizar inscrição até o dia 26 de agosto de 2013, exclusivamente pela internet, através do endereço eletrônico: www.ciee.org.br.

Os inscritos serão avaliados por meio de prova objetiva com questões referente a Conhecimentos Específicos para o Curso de Direito e sobre Língua Portuguesa, Conhecimentos Gerais e Conhecimentos Específicos para os demais cursos com data prevista de aplicação para o dia 15 de setembro de 2013, às 09:00h. Os locais serão realizados previamente, através do endereço eletrônico da organizadora.

O processo terá validade de seis meses, podendo ser prorrogado por igual período de acordo com as necessidades do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região.

As vagas são para exercício nas cidades de: São Paulo, Guarulhos, Arujá, Ferraz de Vasconcelos, Itaquaquecetuba, Mogi das Cruzes, Suzano, Poá, Barueri, Embu das Artes, Caieiras, Cajamar, Carapicuíba e demais cidades de abrangência do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região.

Por Jaime Pargan