Conseguiu uma vaga de trabalho? Passou naquele tão esperado processo seletivo? Ufa!…..mas a batalha continua e nada de se acomodar só por que já está empregado. A luta agora é avançar na carreira, se você já foi escolhido na seleção é por que tem algo que agradou o chefe.

Invista no trabalho e tenha atitudes que te destacam dos outros, afirmam gestores de corporações. Até os anos 90, vivia-se a era da produtividade, cada um fazendo o seu trabalho, agora a história é ser polivalente. É logo notado  aquele que faz mais do que é exigido pela empresa. É o profissional multi, que se interessa por outras atividades na empresa que nada tem haver com a sua área, que tem a atitude transdisciplinar.

Abandone a atitude de não fazer mais do que a obrigação ou sair correndo porque acabou o seu expediente. Ofereça-se para fazer aquilo que as pessoas não gostam de fazer, esteja disponível a ajudar.

Por Zilmara Filisbelo

Segundo consultores de Recursos Humanos as empresas têm demandas maiores por profissionais que tem a qualidade da pro atividade, da ousadia, e o grande desafio destas empresas é identificar essa competência nos candidatos.

Ter iniciativa, se antecipar a problemas, realizar além do esperado, estar sempre atualizado são algumas das qualidades destes profissionais, e segundo a Career Center, o mercado já tem muitos destes profissionais, mas não o suficiente para atender à demanda pedida pelas empresas.

Contudo a uma pessoa proativa deve possuir limites, ser exagerado na iniciativa, querer tomar toda a responsabilidade para si, ser individualista demais ou tomar parte do trabalho dos outros para si são algumas atitudes que devem ser evitadas.

No geral a simplicidade, o equilíbrio mental e o trabalho em equipe farão com que as qualidades negativas da proatividade fiquem ofuscadas ante os seus resultados.

Por Levi Rocha

Em todas as empresas sempre existem pequenas e grandes questões a serem enfrentadas. Nota-se que, algumas vezes, problemas que não são resolvidos durante anos são solucionados com a ajuda de uma sugestão de um colaborador.

Sobretudo em empresas maiores, existem políticas de coletas de sugestões dos funcionários. Mas, muitas pessoas nem se arriscam a participar delas pois acreditam que suas ideias são fora de propósito. Isso é um engano muito grande.

Idéias e conceitos simples já resolveram problemas crônicos de algumas corporações. Detalhes pequenos que só uma pessoa percebeu podem representar ganho em eficiência e redução de custos. Se a empresa dá abertura para esse tipo de prática, é porque quer que você colabore.

Adquira o hábito de dar sugestões no trabalho. Você pode acabar surpreendendo a sua empresa e até a você mesmo.

Surge um problema no trabalho que precisa ser resolvido. As reações frente a esta situação são diversas: uns fingem que não veem, outros se omitem, mas alguns arregaçam as mangas e começam a buscar soluções. Estes últimos têm uma qualidade extremamente valorizada hoje no mercado: a pró-atividade.

O indivíduo pró-ativo é aquele que não fica esperando as coisas acontecerem: ele faz com que elas acontençam. Ele sempre está disposto a inovar e propor soluções. Sugere, questiona, involve-se. Problemas para ele são desafios a serem vencidos. Dessa forma, ele realiza e induz outros a realizarem.

Se você está acomodado em seu emprego, saia dessa inércia. Você verá que sendo mais pró-ativo irá chamar as atenções para você e quem sabe ser mais bem sucedido.

É fim de tarde, seu colega lhe pede ajuda para uma tarefa difícil: o que você faz? Dá uma desculpa esfarrapada ou ajuda gentilmente? A resposta a essa pergunta define se você é um servidor ou não no seu ambiente de trabalho.

Servir é um dos atos que mais pode trazer bem ao ser humano. Em casa, no trabalho, na rua, na igreja, em qualquer lugar, ajudar ao semelhante funciona como um bálsamo num mundo tão competitivo e complicado como o nosso.

No local de trabalho, ajudar aos outros demonstra o quanto você se importa com eles e pode refletir em benefícios para você no futuro.

Não que você tenha que esperar retribuição quando auxilia alguém, mas essa contra-partida tem grandes chances de ocorrer.

Sendo assim, ajude seus colegas. O mínimo que você irá ganhar é a sensação de dever cumprido ao final de cada dia.