Sua mesa de trabalho está sempre em ordem ou cada vez que você precisa de um documento você leva meia hora para encontrá-lo? Saiba que a organização no espaço que você ocupa na empresa reflete muito de quem você é.

Um ambiente desorganizado demonstra que a pessoa responsável por ele pode ter algumas deficiências. Sistematizar as coisas é, por vezes, essencial para o bom andamento do trabalho. Perder tempo procurando um documento ou outro material em um ambiente fora de ordem é contraproducente. Papéis importantes também podem desaparecer em meio à bagunça e acabar gerando grandes transtornos.

A dica é estabelecer um padrão de arrumação e tentar segui-lo sempre. Manter apenas aquilo com o que se está trabalhando no momento sobre a mesa é uma boa pedida também. Isso diminui o número de objetos no seu campo de visão e dá maior sensação de controle.

Deixe sua mesa de trabalho falar por você. Você quer que ela cause uma boa impressão ou não? Sinceramente eu acredito que sim.

Você já trabalha ou foi escalado para trabalhar no setor da empresa que trata da área financeira. É uma função que exige organização, seriedade e muito empenho. Qualquer deslize pode acarretar consequências sérias para você e às vezes para outras pessoas também.

Cuidar da gestão de numerários e recursos não é uma tarefa para qualquer um. Muitos indivíduos simplesmente tem verdadeiro pânico de cometerem algum e virem a ser responsabilizados por isso.

O bom profissional da área financeira geralmente já exibe as características adequadas para se lidar com dinheiro. É preciso atenção, comprometimento, e acima de tudo desenvolver mecanismos que permitam manter o controle mais preciso possível de todos “fatos financeiros” em tempo real.

Só aceite a incumbência de trabalhar com o dinheiro dos outros se realmente se sentir preparado para isso, do contrário é melhor dizer um “não” agora para não se arrepender depois.

Todas as empresas, não importa o seu tamanho, utilizam materiais de consumo que precisam ser periodicamente repostos. A falta momentânea desses materiais pode acarretar transtornos para o bom andamento das atividades. Assim, é muito importante ter um sistema eficaz de controle desse tipo de material.

A melhor maneira de estabelecer um controle eficiente de materiais de consumo é fazer um levantamento da média de consumo. Separar materiais com rotatividade mensal, trimestral, semestral ou anual. Depois disso, organizar um portfólio qualificado de fornecedores para que não seja necessário fazer cotações toda vez que queira efetuar os pedidos. Programas internos de conscientização sobre o uso racional dos materiais também são fundamentais.

Uma boa gestão dos materiais de uso diário é questão de inteligência e organização e precisa fazer parte da rotina de qualquer empresa.

Houve um tempo em que a palavra das pessoas tanto na vida pessoal como no trabalho era considerada como lei. Mas os tempos mudaram. Nos dias de hoje, a melhor maneira de se garantir a respeito de coisas acordadas no trabalho é manter registros escritos de absolutamente de cada detalhe.

Muitas vezes, por esquecimento ou até por má fé, os indivíduos esquecem-se de acordos, promessas e resoluções que externaram oralmente. Diz-se que a palavra falada “se perde no ar”.

Assim, anotar e registrar com detalhes aquilo se trata no trabalho assegura que as pessoas não venham a entrar em conflito por não se lembrarem do que disseram ou porque “fingem” que não se lembram.

Quem mantem coisas importantes registradas por escrito demonstra capacidade de organização, além de ter um controle eficiente que permite sustentar um debate naqueles casos nos quais “o dito pelo não dito” quer permanecer.

Muitas pessoas se queixam atualmente que falta tempo para executar todas as tarefas no trabalho. Sabe-se que às vezes a carga de trabalho é mesmo excessiva, mas existe também a prática de se deixar as coisas “para amanhã”.

O mundo corporativo moderno é um emaranhado de tarefas, prazos e metas a serem administrados. Nesse contexto, um bom planejamento cronológico de execução de tarefas é instrumento essencial para se ter uma rotina menos conturbada. É preciso eleger prioridades e manter registros eficientes do andamento das tarefas.

É fundamental o uso de uma agenda ou de planilhas eletrônicas, que são ferramentas que ajudam muito a controlar o dia a dia. Não postergue para o dia seguinte coisas que estavam marcadas para hoje. Organize-se da forma mais adequada possível e procure cumprir seu cronograma diário.

Lembre-se: é melhor fazer um pouco a cada dia do que encarar uma pilha de trabalho toda de uma vez.

A ansiedade e a preocupação estão as principais causas de doenças psicossomáticas (aquelas causadas pela influência da mente sobre o corpo). Viver preocupado virou quase que uma mania do mundo moderno. Prazos, contas, metas e outras obrigações tem tirado o sono e a paz de muitas pessoas.

Toda e qualquer atividade que alguém realiza envolve um certo grau de ansiedade. Ela é inerente ao ser humano e na medida certa, é até benéfica. Mas viver ansioso o tempo, pelo contrário, só traz malefícios.

Problemas estomacais, dores sem causa aparente, enxaqueca, tudo isso pode resultar de ansiedade não controlada. É preciso estar consciente de que só se vive um dia de cada vez e nada que se faça poderá mudar isso.

Planejar-se e manter-se organizado parece ser uma boa saída para controlar a ansiedade e a preocupação. Quem é organizado parece ter uma sensação de controle maior sobre a própria vida, o que por consequência diminui muito a ansiedade e a preocupação. Não tente antecipar o amanhã, pois “a cada dia já basta o seu próprio mal”.

A qualidade de suas tarefas apresenta muitos altos e baixos. Um dia elas estão muito bem feitas, no outro estão abaixo da média. Você simplesmente não consegue manter sempre o mesmo padrão. Cuidado! Isso pode trazer problemas para você.

Colaboradores que têm variações muito grandes de desempenho estão sempre na mira dos chefes. Um padrão de qualidade muito instável gera desconfiança e assim que a situação se complica, os inconstantes são os primeiros da fila na hora dos cortes.

Procure organizar rotinas e processos que otimizem seu trabalho de modo que ele possa ser executado da maneira mais constante possível.

A qualidade do seu trabalho deve ser como o trenzinho do parque de diversões, passando sempre pelos mesmos trilhos e não como os carrinhos da montanha-russa que são pura instabilidade.

Seu trabalho está pronto antes que o de todos os outros colegas. Você é um exemplo de eficiência e competência. Apesar disso, na empresa há com ritmos diferentes do seu, mas que mesmo assim também realizam coisas importantes. É o caso de viver estressado por causa disso? É claro que não.

Pessoas diferentes possuem ritmos de trabalho diferentes. Uns são mais rápidos, outros mais lentos, mas o que importa mesmo no final são os resultados obtidos. Não estamos falando de casos extremos, como os casos daquelas pessoas que nunca cumprem os prazos de execução das atividades, mas sim de ritmos dentro dos padrões aceitáveis.

Se você é mais rápido que seu colega, aproveite para ajudá-lo. Com certeza, ele ficará muito agradecido, e no final das contas, você, ele e a empresa sairão ganhando.

Você e seu colega trabalham numa mesma função, mas em turnos diferentes. Suas atividades dependem diretamente das dele e vice-versa. No entanto, você tem problemas constantes pois nunca está a par do que ele fez, faz ou ainda irá fazer. Talvez vocês estejam enfrentando um problema de comunicação.

A comunicação humana é algo extradionário em qualquer lugar. Dentro da empresa não é diferente. Instruções claras e objetivas, passadas de forma correta são capazes de evitar transtornos desnecessários.

Se o seu trabalho está intimamente ligado ao de outras pessoas é fundamental que o canal de comunicação entre vocês seja o mais aberto possível. Todos devem estar cientes do está acontecendo o tempo todo.

Uma comunicação eficaz facilita a vida de todos e torna a rotina diária de trabalho muito mais tranquila e eficiente.

Seu chefe chega para você e pede aquele e-mail que a matriz mandou há uma semana. Você revira a pilha de papéis espalhados por sua mesa e não o encontra. É amigo… você pode estar precisando de lições de organização e arrumação no trabalho.

A ordem e a organização no trabalho são indispensáveis para a obtenção de bons resultados. Ambientes revirados, com excesso de materiais espalhados por todos os lados são um atentado à eficiência. Arrume suas coisas de maneira lógica, deixando sempre à mão aquilo que você usa mais rotineiramente e guarde ou arquive aquelas coisas que você utiliza esporadicamente ou raramente.

Um ambiente de trabalho limpo e organizado dá mais sensação de controle às pessoas e estimula, sem sombra de dúvida, a obtenção de resultados maiores e melhores.

Aquele relatório excepcional chegou às mãos do seu chefe. Você ajudou em cada detalhe que está escrito lá, mas foi seu colega que assinou o trabalho. O que você faz? Fica na sua ou diz ao chefe que você participou ativamente e também merece os créditos por isso?

Trabalhos feitos em equipe são sempre uma soma de forças. Se todos os componentes da equipe são comprometidos, nada mais justo que os créditos dos trabalhos realizados sejam atribuídos a todos, sem distinção.

O que não é justo, é você querer levar a “fama” sem ter feito nada. Mas se você suou a camisa e se empenhou, cobre a presença do seu nome no resultado final.

Valorize a sua participação nos trabalhos de equipe, isso fará bem a você e também será um exemplo para seus colegas.

Pode até parecer um clichê mas o trabalho em equipe foi, é e sempre será valorizado em toda empresa moderna. Mais do que uma qualidade, saber trabalhar em equipe tornou-se uma necessidade na conjuntura atual.

Equipes bem coordenadas e com sintonia entre os membros produzem mais. Cada componente manifesta plenamente suas potencialidades e supre as eventuais deficiências de outros membros.

As tarefas ou os projetos são melhor executados e com isso, ganham os indivíduos e a empresa ao mesmo tempo.

Coopere, seja pró-ativo, oriente, estenda a mão. Um grupo bem afinado torna o trabalho mais fácil e mais prazeroso, além de abrir a possibilidade de fazer sugir excelentes amizades.

Nestes tempos de mundo globalizado, não é nada bom perder tempo no trabalho. 

Uma das causas-chave do tempo desperdiçado no ambiente de trabalho é não saber definir prioridades. Organizar as tarefas por ordem de importância e prazo é uma boa pedida. 

Comece seu dia fazendo uma lista de tarefas em ordem de importância, assim você terá uma visão global de tudo o que você tem a fazer e o que é mais importante. 

Se você é de um setor no qual prazos são fundamentais, planeje tudo de uma maneira que torne fácil o acompanhamento das datas-limite. Não adianta fazer um trabalho com ótima qualidade se ele for entregue muito fora do prazo pré-estabelecido. 

Para aqueles que trabalham por projetos e não em rotinas fechadas, a priorização é essencial. Se você é líder de equipe, mantenha controles eficientes do andamento dos projetos. Gráficos, quadros, planilhas… 

Abuse das facilidades que a tecnologia moderna oferece para organizar seu trabalho e aumentar sua sensação de controle sobre o que você faz.