O estudo mensal confeccionado entre o Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo (SindusCon-SP) e a Fundação Getúlio Vargas (FGV) relata que o nível de emprego no segmento da construção civil do país teve elevação de 6% nos três primeiros meses deste ano, com a contratação de mais de 157 mil trabalhadores com registro em carteira.

O portal de notícias G1, origem deste artigo, informou em 7 de maio, sexta-feira, que o nível empregatício ascendeu aproximadamente 1,8% em março ante o segundo mês do ano, correspondendo, portanto, ao emprego de 45.704 trabalhadores formais.

O Estado de São Paulo, em particular, teve crescimento assinalado no nível de emprego em 1,65% no terceiro mês deste ano, quase 11,7 mil contratações. O número de pessoas atuantes atingiu, então, 721.170, recorde na série histórica, segundo retrata o G1.

Acesse mais informações no G1.

Por Luiz Felipe T. Erdei