De olho na captação e na formação de novos talentos, diversas empresas abrem, com frequência, oportunidades para menores aprendizes, permitindo aos jovens ter o primeiro contato com o mercado de trabalho. Uma das organizações que está oferecendo vagas no momento é a ALLIS, especializada em serviços de merchandising e vendas.

A companhia está selecionando candidatos para 50 vagas de jovens aprendizes na cidade de São Paulo, cujos contratados irão trabalhar em uma empresa do setor de telecomunicações (o nome não foi divulgado), instalada em um shopping da capital, tendo direito a remuneração mensal de R$ 724 e benefícios como seguro de vida e vale-transporte. O contrato terá validade de um ano.

Para se candidatar às vagas de emprego para menor aprendiz da ALLIS, os interessados devem ter idade mínima de 15 anos e estarem cursando, no período noturno, o ensino médio. Os jovens que já completaram o segundo grau também podem participar da seleção, ressaltando que é necessário possuir disponibilidade para trabalhar durante sete horas por dia, às segundas, terças e quintas, nos turnos da manhã e tarde. Não é exigida experiência.

Os participantes do programa de menores aprendizes da ALLIS em São Paulo atuarão dando suporte administrativo aos vendedores da empresa contratante, auxiliando também na organização da loja e na elaboração de controles e planilhas.

Às quartas e sextas, eles poderão fazer o curso de Assistente Administrativo no SENAC (Unidade Aclimação) durante o período de trabalho, com a parte prática sendo ministrada aos sábados, na loja, com duração de três horas.

Se você se encaixa no perfil desejado pela companhia e quer participar do processo de seleção para menor aprendiz, basta enviar seu currículo, completo e atualizado, para o e-mail aline.carvalho@allis.com.br. Outra maneira de se candidatar para as vagas é através do site da ALLIS. Após a análise curricular, a empresa convocará os selecionados para participar de dinâmicas de grupo.

Por André Gonçalves

O Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, possui o programa de isenção social, o Abrace Seu Bairro, e este, está com inscrições abertas para pessoas que queiram se candidatar para trabalhar no seu projeto “Programa Jovem Aprendiz – Capacitação Básica para o Trabalho”. O curso faz com que os jovens entrem no mercado de trabalho mais preparados para as suas atividades. Após o curso, eles são encaminhados a processos seletivos em outros programas de aprendizagem.

Podem participar pessoas na faixa etária de 15 até 21 anos, que estejam cursando o nível fundamental e médio, ou também, aqueles que já tenham concluído o segundo grau. Com aulas todos os dias e sobre vários temas, o curso tem estimativa de duração de 320 horas. Para se inscrever, vá até a sede do Abrace Seu Bairro, na Rua Peixoto Gomide, n° 316, no bairro Bela Vista. Tenha em mãos seu RG, CPF, comprovante de renda e de escolaridade.

Para mais informações ligue para (11) 3155-8333.

Por Oscar Ariel

Os Correios lançaram 4.355 vagas para o Programa Jovem Aprendiz. As vagas são destinadas a todas as regiões do Brasil. O salário dos aprendizes é de $ 282,50 por 20 horas semanais, e mais auxílio-transporte, vale-refeição ou alimentação, uniforme e atendimento médico-odontológico ambulatorial.

Durante as 20 horas semanais, o Aprendiz terá oportunidade de obter formação técnico-profissional de auxiliar administrativo e atividades de iniciação profissional desenvolvidas nas unidades administrativas dos Correios.

Para se candidatar, o candidato deve ter entre 14 e 21 anos e estar matriculado na escola e freqüentando as aulas.  As inscrições devem ser feitas até 26 de fevereiro, nas agencias dos correios ou pelo site www.correios.com.br, é cobrada taxa de R$ 10,00 para inscrição.

Por Rosana Radke

Segundo o VNews, as empresas das cidades paulistas de Taubaté, São José dos Campos, Campos do Jordão e Guaratinguetá, e que tenham profissionais com idade entre 16 e 18 anos em seu quadro de empregados podem inscrevê-los em curso profissionalizante do Programa Menor Aprendiz. Procure a unidade do SENAC mais próxima.

O Programa Menor Aprendiz está previsto pela Lei 10. 097/2000. A contratação não gera vínculo empregatício e os profissionais podem trabalhar até 8 horas diárias, desde que tenham completado o nível fundamental.

É obrigatória, para as empresas, a contratação como Menor Aprendiz de, no mínimo, 5% dos empregados (no máximo, 15%), se a função exercida demanda treinamento profissional.