O governo chinês investe em medidas para estabilizar os índices de desemprego durante a crise econômica. De acordo com o ministro de Recursos Humanos e Previdência Social, Yin Weimin, o investimento em políticas ativas e apoio ao mercado de trabalho têm mantido a taxa de desemprego em apenas 4,3% desde o início do ano.

Além disso, os representantes pretendem desenvolver um sistema de aposentadoria para os agricultores e, com isso, oferecer mais qualidade de vida aos moradores das zonas rurais. O projeto, que visa beneficiar mais de cem milhões de idosos, levará até 2020 para atingir todas as regiões rurais da China.

Fonte: http://portuguese.cri.cn