O Grupo Tanker, empresa de segurança patrimonial, está contratando 130 novos funcionários para atuar na sua filial localizada na cidade de São Paulo. O Grupo, que atua na área de condomínios, indústrias e varejos, presta serviços de segurança e controle de acesso.

As vagas ofertadas pela empresa são para funções de vigilante, porteiro, controlador de acesso, auxiliar de limpeza, fiscal de peso, entre outras funções destinadas à área operacional.

Não será necessário possuir experiência anterior nas funções.

A empresa oferece treinamentos e todas as funções são para postos de trabalhos em São Paulo (Zona Norte, Zona Leste, Zona Oeste e Zona Sul) e para o ABC Paulista.

O processo seletivo é voltado para pessoas de ambos os sexos, com tenham idade mínima acima de 18 anos, possuam disponibilidade total de horários e tenham capacidade de trabalho em equipe.

A escolaridade será exigida conforme cada função e a empresa oferece flexibilidade para quem estiver estudando.

Os contratados recebem um salário fixo mensal de acordo com as práticas de mercado em relação a cada função. Os benefícios adicionais a serem oferecidos são: vale transporte, vale refeição, cesta básica, assistência médica, assistência odontológica, plano de participação nos lucros e nos resultados da empresa, seguro de vida em grupo, plano de previdência privada e pagamentos de hora extras.

A contratação será em regime CLT, com registro em carteira e contrato fixo de prestação de serviços efetivo.

A empresa não permite que o funcionário tenha outro tipo de trabalho registrado.

O processo de seleção será composto de análise de dados pessoais e entrevista pessoal com gestores.

Os interessados que desejam participar do processo seletivo devem comparecer pessoalmente munidos de Carteira de Trabalho, RG, CPF e Comprovante de Endereço, na Avenida Washington Luiz, 1930, de segunda a sexta feira, no período das 08:00 às 11:00.

Outras informações a respeito do processo seletivo poderão ser encontradas através do seguinte endereço eletrônico http://tanker.com.br.

Por Daniela Almeida da Silva