Hoje em dia, as empresas estão cada vez mais exigentes no que diz respeito ao recrutamento de pessoas para preencher os postos de trabalho em aberto. Perante a esta situação, muitas pessoas tem perdido a chance de ingressar em empresas boas pelo fato de não estarem profissionalmente preparadas para os desafios referidos ao novo cargo.

Este assunto tem gerado muitas dúvidas e uma delas é relativa à que tipo de curso é mais frutífero para o atendimento das necessidades do mercado de trabalho: um curso livre ou um curso técnico. Bem, nem sempre a resposta é fácil. Para você decidir qual curso fazer, deverá ponderar quais os benefícios de cada um.

Os cursos livres são rápidos e fundamentados em ideias práticas, isto é, são cursos de aperfeiçoamento e são especialmente dirigidos às pessoas que desejam aprender de forma objetiva novas aptidões para enfrentar os revezes de um novo posto.

Precisa-se salientar que esta modalidade de curso raramente confere certificados, sendo emitidos para os seus participantes somente comprovante de participação no curso. Outros benefícios dos cursos livres é que eles não exigem escolaridade e a duração depende de você, de quanto tempo disponibiliza aos seus estudos.

Os cursos técnicos são mais abrangentes e com certeza possuem mais credibilidade perante o empregador. Os cursos desta modalidade tem duração entre dois e três anos e são dirigidos à pessoas que tenham concluído ensino médio.

Também há cursos que aceitam participantes que estiverem cursando ensino médio, assim, o estudante pode aperfeiçoar-se para o mercado ao mesmo tempo que conclui os seus estudos regulares. Uma das grandes vantagens de fazer um curso técnico é que eles não são dirigidos somente aos jovens, pessoas de mais idade podem assistir cursos técnicos, eles favorecem quem está à procura de novos horizontes laborais e também quem está procurando uma recolocação no mercado de trabalho.

Como foi visto, ambos tipos de curso podem trazer maiores possibilidades de emprego e de realização pessoal, no entanto, você é quem deve decidir qual se adequa mais a sua realidade profissional e quanto tempo dispõe para estudar.

A demanda das empresas, no que diz respeito ao setor de recursos humanos, gira em torno à profissionais capacitados na sua área de atuação, por isso, seja qual for a sua escolha, saiba que estará sendo visto com bons olhos, pois investir em um curso de formação significa que o trabalhador está interessado pelo seu desenvolvimento profissional.

Por Melina Mariel Menezes Pereda

Se preparar para aquela vaga de emprego que você tanto deseja é um dos passos mais importantes para permanecer no mercado de trabalho. A Federação das Indústrias do Estado da Bahia (FIEB) está com vagas abertas para cursos profissionalizantes gratuitos que serão oferecidos em todos municípios da Bahia.

São 23 mil vagas de cursos profissionalizantes, oferecidos gratuitamente, que estarão com inscrições abertas apenas pelo site www.senai.fieb.org.br, voltados para as áreas de indústria. No entanto, devido a parceria com o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico (Pronatec), os cursos serão ampliados para calçados, comunicação visual, mineração, moveis, petróleo e gás, rede de computadores, segurança do trabalho, desenho de construção civil.

A FIEB, que também é responsável por entidades como CIEB, o SESI, o SENAI, o IEL, ainda não informou quando começará o período de inscrições e nem quando serão iniciadas as aulas dos cursos técnicos, mas, sempre acesse o site acima para obter estas e outras informações.

Os cursos da FIEB são totalmente gratuitos e para o ano de 2013. Muitas serão as oportunidades para lhe preparar para o exigente e competitivo mercado de trabalho.  

Por Michele de Oliveira

Criado no ano de 2008, o Programa Estadual de Qualificação Profissional (PEQ) é uma boa oportunidade para quem está desempregado e quer uma chance para se preparar melhor para o mercado de trabalho. Feito pela Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho do Estado de São Paulo, o PEQ oferece aos profissionais cursos de forma presencial, sendo ministrados 5 vezes pela semana, com 4 a 5 horas ao dia. Eles têm uma carga horária total de 230 horas, sendo que a duração do curso varia entre 2 e 3 meses.

O PEQ é voltado para as pessoas que estão sem emprego e pertencem à faixa etária dos 30 até 59 anos. Todos que participam têm o direito de uma bolsa auxílio no valor de R$ 210 e também auxílio transporte de R$ 120. Outros benefícios que o participante terá direito são o lanche e o material didático. A bolsa somente será oferecida caso a pessoa não receba o seguro-desemprego e nem benefícios da Previdência Social.

Para esta próxima empreitada será oferecida aos profissionais os cursos de logística básica e alimentador de linha de produção. Eles serão ministrados no período vespertino, das 13:00 às 17:30.

As inscrições para o Programa Estadual de Qualificação Profissional poderão ser feitas a partir do dia 26 de setembro de 2011, no Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT), das 08:00 até às 16:00. Para o preenchimento do seu cadastro de matrícula, compareça com CPF, RG e Carteira de Trabalho.

Os endereços para as inscrições, assim como todas as informações importantes sobre o PEQ, você encontra no site www.peq.sp.gov.br ou no portal www.emprego.sp.gov.br.

A Prefeitura de Santo André, cidade da Grande São Paulo, está com inscrições abertas para qualificação gratuita nos cinco Centros Públicos de Formação Profissional (CPFP).

Os participantes terão opções de cursos em diversas áreas, entre elas, marcenaria, construção civil, indústria, panificação, elétrica, informática, e estética, totalizando quase 30 modalidades de cursos de aprendizagem nos turnos da manhã, da tarde e da noite. Além disso, a Prefeitura firmou parceria com diversas escolas profissionalizantes, entre elas, a rede Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial).

Todos os cursos de qualificação são destinados aos moradores do município que tenham Ensino Fundamental completo ou incompleto.

O cadastramento deve ser feito em um dos CPFPs ou no Centro Público de Emprego, Trabalho e Renda, localizado na Avenida Artur de Queirós, 72 – Casa Branca.

Os endereços dos CPFPs são:

CPFP Armando Mazzo:

Rua Carnaúba, s/nº – Príncipe de Galles

Telefone: 4990-1836

CPFP Júlio de Grammont:

Avenida Rangel Pestana, s/nº – Jardim Cristiane

Telefone: 4425-6964

CPFP João Amazonas:

Rua Antônio Sebastião Esquariza, s/nº – Bairro Capuava

Telefone: 4975-2222

CPFP Valdemar Mattei:

Avenida Artur de Queirós, 399 – Casa Branca

Telefone: 4438-5228

CPFP Miguel Arraes:

Rua Tamarutaca, 175 – Vila Guiomar

Telefone: 4992-3397

Por Natália Melo

O Via Rápida Emprego, programa criado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia do Estado de São Paulo, com o objetivo de fornecer capacitação profissional básica à população, está com as inscrições abertas para os cursos que serão ministrados no segundo semestre de 2011. São 30 mil vagas em todo o território paulista, das quais 6.480 para a capital e sua região metropolitana. A idade mínima para participar é de 16 anos. Ser alfabetizado e residente no estado são outros pré-requisitos.

O programa oferece cerca de 130 cursos gratuitos, focados nas áreas de prestação de serviços, comércio, construção civil e indústria, que têm duração entre 30 a 90 dias, com aulas de segunda a sábado.

Além de se qualificar para conseguir uma melhor oportunidade no mercado de trabalho, os participantes terão direito a auxílio-transporte, no valor de R$ 120 mensais, e vão ganhar o material didático. Para quem está desempregado e não conta com seguro desemprego ou outro benefício previdenciário, será oferecida uma bolsa-auxílio de R$ 210.

O cadastro pode ser realizado pelo site www.viarapida.sp.gov.br e também nos postos do Poupatempo e Acessa SP

De acordo com a Secretaria, critérios como renda, idade e escolaridade serão usados na seleção.

Por André Gonçalves

O governo brasileiro pretende dar uma boa roupagem ao país em vistas da Copa do Mundo de 2014. No que concerne ao turismo, foi criado o Projeto Bem Receber Copa, que no subsegmento Ecoturismo e Aventura está com inscrições abertas para interessados dos estados de Amazonas, Ceará, Minas Gerais e Rio de Janeiro.

De acordo com o Ministério do Turismo, em princípio as aulas abrangerão os temas Competências Mínimas do Condutor, Gestão Empresarial e Sistema de Gestão da Segurança. O intento visa capacitar os profissionais do setor para melhor receber o mundial de futebol.

Apenas na área de Ecoturismo e do Turismo de Aventura serão oito mil os trabalhadores beneficiados por todo o país.

A inscrição já pode ser realizada através do endereço eletrônico cursospresenciais@abeta.com.br.

Para mais informações, o interessado deve acessar o site da Associação Brasileira das Empresas de Ecoturismo e Turismo (Abeta) ou entrar em contato pelo telefone (31) 3227-5707.

Por Luiz Felipe T. Erdei

O ambiente profissional altamente competitivo cobra cada vez mais uma melhor qualificação para a obtenção do tão almejado sucesso, ou simplesmente de uma oportunidade de trabalho melhor. Cursar Ensino Superior, ter uma segunda língua fluente são, cada vez mais, pré-requisitos necessários.

O primeiro bimestre de cada ano é um período interessante para a melhoria da qualificação, pois, dizem especialistas, janeiro, março e dezembro, compõem os meses de maior busca das empresas por profissionais. Independente dessa delimitação existem cursos interessantes com esses fins, e de inscrições abertas durante todo ano.

Caso como esse é o do "Mais Cursos Interativos". O método é diferenciado, com recursos multimídia, que possibilita ao aluno moldar seus horários e ritmo de aprendizado. De acordo com Patrícia Valente, sócia da franquia, além dessa flexibilidade a rede possui parceria com empresas próximas de suas unidades, com isso os alunos podem ser encaminhados para essas companhias ao final do curso.

São vários os cursos disponíveis, entre eles: Assistente Administrativo, Operador de Telemarketing, Técnica de Vendas, Secretariado, Dreamweaver, HTML, Flash, Corel Draw, Photoshop, entre outros. Para conferir a lista completa é necessário acessar o site do Mais Cursos.

Por Luiz Felipe T. Erdei

O Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC) está com inscrições abertas para 20 vagas nos cursos de qualificação em Pedreiro de Edificações de Alvenaria e Revestimentos e em Instalador Eletricista Predial em Criciúma no interior catarinense.

Podem se inscrever candidatos com no mínimo 16 anos de idade com ensino fundamental completo.

A carga horária de cada curso é de 200 horas com aulas marcadas para o período noturno de segunda a sexta-feira. Busque novas colocações profissionais e aproveite essa iniciativa. Vá pessoalmente a unidade do IFSC no Campus Criciúma munido de documentos pessoais até o dia 24 de setembro de 2010 e obtenha mais essa certificação profissional!

Por Camila Porto de Camargo

Fonte: Engeplus Telecom