O Programa Ciência sem Fronteiras (CsF) teve suas inscrições prorrogadas pelo Governo Federal. Com o objetivo de ampliar as chances dos universitários de conseguir bolsas de estudo em instituições de 15 países, o período de inscrições foi prorrogado para o dia 25 de janeiro.

Entre os locais em que o Programa será realizado, estão: Reino Unido, Portugal, Japão, Itália, Holanda, França, Estados Unidos, Espanha, Coreia do Sul, Canadá, Alemanha, Austrália, Noruega, Hungria e Suécia.

Desde a abertura das inscrições, que inicialmente iriam até o dia 14 de janeiro, mais de 40.000 pessoas se inscreveram para o processo seletivo do Programa.

Com seu lançamento no mês de dezembro de 2011, o Programa Ciência sem Fronteiras já cedeu aproximadamente 18.000 bolsas. Para o ano de 2015, o objetivo do CsF é oferecer 101 mil, 25 mil por iniciativa privada e 75 mil pelo Governo Federal.

Os interessados em participar devem fazer cadastro pelo site: www.cienciasemfronteiras.gov.br.

No CsF, universitários têm oportunidades de estagiar no exterior, mantendo contado com novas culturas e sistemas de educação de alta competitividade inovadora e tecnológica. Fora isso, o programa tem o objetivo de atrair pesquisadores estrangeiros que queiram se fixar no Brasil.

Por Marcelo Araújo

Uma das áreas mais criticadas dos últimos governos é, com pouca margem de dúvidas, a Educação. As escolas públicas são alvo de divergências entre educadores e políticos. Professores reportam baixos salários e, em alguns locais, perigos à própria vida; prefeitos e governadores, por outro lado, por exemplo, afirmam medidas de melhoria realizadas, e que muito mais será feito.

Na segunda-feira (21/03), Fernando Haddad, ministro da Educação, divulgou que a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) outorgará bolsas de mestrado a docentes do nível da educação básica. As informações também ditam que os cursos abrangidos pelo intento serão atrelados a esse nível de ensino.

A grande exigência para a concessão de bolsas é o professor permanecer em atuação com turmas na rede pública por, pelo menos, cinco anos depois de concluído o mestrado. De acordo com Haddad, em algumas situações o curso não ocorre na cidade onde o docente reside, portanto, gastos com meios de transporte, alimento e material pedagógico serão custeados.

Uma iniciativa plausível, em princípio. O professor que tiver a oportunidade deve abraçá-la, não para obter um status ou porque o curso será ganho, mas sim em função da própria qualificação, que pode se estender pelo restante de vida e, quem sabe, diminuir a reclamação de falta de qualificação profissional da mão de obra brasileira.

Por Luiz Felipe T. Erdei

Fonte: Agência Brasil

A Organização das Nações Unidas (ONU) está com inscrições abertas até o dia 31 de julho de 2010 para o Programa de Bolsas de Estudo do Painel Intergovernamental de Mudanças Climáticas (IPCC). O objetivo do painel é fornecer subsídios teóricos e práticos acerca das regiões mais vulneráveis aos impactos das mudanças climáticas.

Podem se inscrever candidatos graduados com até 40 anos de idade com habilidade no desenvolvimento de pesquisas acadêmico-científicas. O valor da bolsa-auxílio não foi divulgado previamente, porém sua duração é de 12 a 18 meses.

Se você é pesquisador dessa área de conhecimento se inscreva já. Acesse o site do IPCC e informe-se!

Por Camila Porto de Camargo

A ActionAide Brasil, empresa não governamental presente em mais de 50 países está selecionando 2 candidatos bolsistas para desenvolver um projeto de pesquisa sobre o tema “Governança Democrática no Brasil Contemporâneo: Estado e Sociedade na Construção de Políticas Públicas”.

Em parceria com o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) e a Redes de Pesquisa (PROREDES), a contratação visa selecionar 1 bolsista com graduação completa com bolsa-auxílio no valor de R$ 2.000,00 e 1 bolsista pós-graduado com bolsa-auxílio no valor de R$ 3.000,00.

Para se inscrever, é necessário que os candidatos tenham formação nos cursos superiores de Ciências Sociais, Direito ou Relações Internacionais, experiência acadêmica de pesquisa científica, conhecimento sobre questões de gênero e feminismo, facilidade com o Pacote Office, fluência em inglês dentre outros.

Informe-se sobre o processo seletivo completo neste link e inscreva-se pelo e-mail ana.paula@actionaid.org até o dia 30 de junho de 2010.

Por Camila Porto de Camargo

Os estudantes residentes na região sul do Espírito Santo, que abrange as cidades de Guarapari, Anchieta e Piúma, estão sendo contemplados com o processo de seleção de candidatos a 140 bolsas de estudo para cursos de capacitação técnica e qualificação profissional que serão realizados em escolas particulares. Os cursos ocorrerão em 2010 e as bolsas custearão 80% do valor das mensalidades e, para portadores de deficiências, a bolsa será de 100% e mais R$ 200,00 de ajuda de custo.

Os interessados deverão ler o Edital para ficarem plenamente informados sobre o processo e depois fazer a inscrição para a área desejada até o dia 01/11/2009. Os candidatos deverão, comprovadamente, residir num dos municípios acima citados e ter completado o ensino médio.

Os interessados em conhecer maiores detalhes sobre esta oportunidade de aumentar suas chances de empregabilidade e conhecimentos técnicos podem acessar:

por Lindomar Vieira

A Fiat está investindo forte na contratação de novos funcionários. Tanto que está colocando em destaque, na página principal de seu site, a disponibilidade de vagas em seus programas de estágio e trainee, bolsas de estudos e vagas abertas para profissionais.

No programa de trainees, as vagas são para estudantes recém-formados ou estudantes do 9º ou 10º período nos cursos de Engenharia Mecânica, Mecatrônica, Eletrônica, Metalúrgica, Eletroeletrônica, Elétrica e Engenharia de Produção.

Os programas de estágio são para estudantes de faculdade ou curso técnico que se formem a partir de 12/2010. Um deles tem vagas nos escritórios regionais da empresa em Brasília, Curitiba, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro e São Paulo.

E, para quem sabe inglês e está estudando a partir do 7º período nos cursos de Engenharia Mecânica, Mecatrônica, Elétrica ou Eletrônica, a empresa oferece uma bolsa para fazer o curso internacional em Engenharia Automotiva, que confere o título de Master of Science, no Instituto Politecnico di Torino.

Para saber mais, clique aqui.