Para os aposentados que querem complementar a renda e se manter ativos, o mercado de trabalho traz uma boa notícia.

De acordo com a consultoria de Recursos Humanos Hays, 20% das companhias contratam aposentados, sobretudo na área técnica (75%), diretoria (33%) e gerência (28%). Mais especificamente, a maior parte dos cargos destinados a aposentados encontra-se nos cargos técnicos de engenharia, finanças e comercial.

Em entrevista ao jornal O Estado de São Paulo, o gerente da consultoria, André Magro, explica o fenômeno: isso tem ocorrido por falta de mão de obra e por causa da experiência que esses profissionais trazem, permitindo retorno imediato à empresa que os contrata.

Ainda segundo a reportagem do jornal, os setores que mais contratam são: serviços (25%), consumo (10%), telecomunicações (8%), farmacêutico (7%), automobilística (5%), eletroeletrônico (5%), indústria de construção (5%), química e petroquímica (5%), bens de capital (4%), entre outros.

O melhor é que nem sempre o idoso precisa ter experiência para usufruir dessa tendência de mercado. Nesse sentido, o Grupo Pão de Açúcar, por exemplo, criou o Programa da Terceira Idade, para pessoas acima dos 55 anos, a fim de usar a simpatia desses profissionais para melhorar o relacionamento com os clientes. Tais colaboradores exercem as funções de caixa, consultoras de lojas e empacotadores.

Por Christiane Suplicy Curioni

Hoje, 24 de Janeiro, é o Dia Nacional do Aposentado.

Mas, você sabe por qual razão muitos aposentados voltam a trabalhar?

A primeira resposta é que há uma necessidade de completar a renda familiar, haja vista que um aposentado não ganha fortunas, assim como era na época da ativa.

Fora isso, hoje as pessoas se aposentam novas (60 anos é novo!), ou seja, é um jovem aposentado. Assim, volta-se ao mercado de trabalho, sendo excelente para vários tipos de trabalho, devido a experiência.

Havia um preconceito no passado quanto a pessoas mais velhas, mas hoje, se o profissional for qualificado, poderá se reinserir sem dificuldades no mercado de trabalho.

Com certeza, o idoso é um recurso a ser considerado para uma empresa. Hoje vemos pessoas com 50 ou 60 anos, que começam faculdade, e tem vontade de trabalhar assim como na época de seus 20 anos.