O setor de agronegócios paulista  registrou um aumento de 1% no primeiro semestre do ano em relação ao mesmo período de 2008. O saldo, que atingiu a marca de US$ 5,31 bilhões, é o faturamento dada a diferença entre exportações e importações realizadas entre janeiro e julho.

O impacto da crise econômica transparece nos dados do Instituto de Economia Agrícola da Secretaria de Agricultura e Abastecimento (IEA), que indicam um aumento de 8,5% na exportação e de apenas 0,7% em relação ao primeiro semestre do ano passado.

Os analistas econômicos apontam que apesar do recuo nas relações de importação e exportação, o agronegócio segurou a balança comercial do país pois apresentou um superávit de US$ 29,53 bilhões, enquanto que os demais setores indicaram um déficit de mais de US$ 12 bilhões.