Estabelecer horários nem sempre é tão fácil assim como imaginamos. Muitas vezes envolve outros aspectos para poder alinharmos com o nosso dia a dia. Portanto, nessa hora, vale ficar atento a algumas dicas.

Sua agenda é o seu melhor aliado nessa hora, especialmente se você é um profissional muito comprometido com suas obrigações e seus afazeres com a empresa e nem sempre está em um lugar só.

Às vezes está aqui, outras vezes aculá. Por isso, é muito importante que você organize sua agenda corretamente. Use meios eletrônicos, porém, se você não for muito adepto e nem muito familiarizado com isso, pode usar uma agenda de papel mesmo.

Em alguns casos, uma agenda de papel se torna mais prática, a eletrônica também, a diferença é que, esta última, dependendo do tipo de aparelho eletrônico que você tiver, pode corromper os arquivos depois de um tempo de muito uso, já a de papel, se você souber conservar, poderá ter seus contatos para o resto da vida.

Nesse caso, independente do tipo de agenda que você for escolher, preze por organizar seus contatos de forma cronológica. Faça da mesma forma com suas tarefas, para que elas tenham uma ligação com o seus contatos por ordem alfabética, data, local e horário.

Anote também endereços que você considera importantes, tanto de contatos quanto de trabalhos e reuniões.

Uma outra forma de você estabelecer seus horários, sejam eles de trabalho ou não, é você pesquisar sempre o melhor tempo para cada um deles. Para isso, faça pesquisa em calendários, locais e até em sua própria agenda, para assim você se organizar com mais facilidade. 

Enfim, não se esqueça de que você precisa manter seus horários bem organizados. Não se limite apenas a um recurso para te auxiliar. Recorra à meios mais favoráveis e confiáveis para você estar sempre se baseando para estabelecer seus horários.

Por Daniela Almeida da Silva

Foto: divulgação

No mundo contemporâneo, as informações são produzidas e repassadas numa velocidade cada vez maior. No mundo do trabalho, são uma série de detalhes, números e compromissos que, muitas vezes, não ficam armezenados na memória.

Para evitar esquecimentos e transtornos, uma boa medida é manter uma agenda, seja ela em papel ou eletrônica, como um auxílio para se lembrar de tudo aquilo que é importante.

Por mais coisas que a cabeça consiga armazenar, é bom não confiar 100% nela. A correria e o estresse do dia a dia podem fazer com que algo acabe escapando. Uma agenda bem estruturada que contenha o básico dos seus compromissos e os detalhes relacionados a eles torna a rotina mais fácil e evita surpresas desagradáveis.

Acostume-se a manter um registro escrito de suas atividades futuras. Isso o ajudará a diminuir um pouco a tensão em seu dia a dia e trará um alívio na carga de informações que sua memória precisa guardar.